Ato unificado das centrais mobiliza trabalhadores gaúchos

O ato unificado das Centrais Sindicais, que mobilizou trabalhadores em todo o país, teve grande mobilização em Porto Alegre e no interior do Estado, em protesto contra a implantação da reforma trabalhista e contra a reforma da previdência, que tramita no Congresso Nacional.

 

Em Porto Alegre, as atividades iniciaram ainda pela manhã. À tarde, em frente ao Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT4), juristas da área trabalhista e o presidente do tribunal se manifestaram em apoio à mobilização dos trabalhadores.

Na sequência, o grupo saiu do TRT4 em caminhada até a Esquina democrática, unindo-se a outras mobilizações, como a marcha do Cpers, movimento estudantil e movimentos sociais. Mais de 5 mil pessoas participaram da caminhada.

 

 

“Foi um ato importante, que contou com a unidade de todas as Centrais Sindicais e representa nossa posição contrária às reformas que estão sendo implementadas no Estado e no País”, disse Eder Pereira, diretor da CGTB.