Sintergs pressiona deputados nos últimos dias de votação antes do recesso

Representantes do Sintergs estiveram durante toda a tarde desta terça-feira (09/12) na Assembleia Legislativa como forma de pressionar para que seja implementada a incorporação da Dedicação Exclusiva na aposentadoria dos especialistas em saúde, reivindicação antiga da categoria e pela qual o sindicato tem trabalhado durante todo o ano de 2014, além do pagamento da Gratificação de Incentivo às Atividades Sociais Administrativas e Econômicas (Gisae) para técnicos-científicos lotados nas secretarias da Saúde, Educação e inativos.

Na antessala do plenário, os representantes do Sintergs conversaram com o líder do Governo, deputado estadual Valdeci Oliveira. O parlamentar não soube precisar se há alguma intenção do Palácio Piratini de mandar projeto de lei que trate da incorporação da dedicação exclusiva para os especialistas em saúde.

Recentemente, também na AL, o deputado Valdeci havia dito que iria discutir a possibilidade de viabilizar a incorporação da DE por meio de uma emenda avalizada pela Casa Civil e com o acordo dos líderes dos partidos.

A direção do Sintergs também questionou o líder do atual governo na AL, deputado Valdeci Oliveira, quanto ao não pagamento GISAE aos grupos incluídos na Lei e em relação às promoções atrasadas.

Criada no início de junho, a Gratificação de Incentivo às Atividades Sociais Administrativas e Econômicas (Gisae), que garante um acréscimo nos vencimentos de até 60% do salário básico e que deveria entrar na folha de pagamento de outubro dos técnicos científicos, não foi paga pelo Governo do Estado do RS para os servidores lotados na Educação, Saúde e para os inativos.

gabinete 1 plenrio 2 plenrio 1

Deixar um comentário